O que a gente vai conhecendo

Andei vendo umas fotos antigas. Fotos em que aparece eu e meus amigos. Sempre me considerei um cara muito constante em vários aspectos, mas é engraçado perceber as várias ondas (Ou “vibes”: não dá pra chamar de “fase” porque, pra mim, fase é algo que dura mais tempo) que eu (Ou eu e meus amigos) passei durante os últimos cinco anos. Curioso é que a arte, principalmente a música, sempre foi a corda que puxou a caçamba. Vi até fotos de alguns anos atrás, em que eu e meus amigos estavamos usando camiseta velhas e faixas tie-dye nos cabelos grandes – bem maiores do que o que estávamos usando antes -, mesma época em que eu estava descobrindo o jazz fusion e o psychedelic soul. Não é que eu estava me sentindo a fórmula mágica da poção das putas e nem a criança fugitiva. Mas não tem como se empolgar com algo novo, que tem uma história/qualidade incrível, e não entrar no clima. É como querer usar uma touca e não fazer a barba logo depois de assistir Serpico. Ou como pensar em comprar uma peça com estampa de leopardo após assistir The Harder They Come. Saber um pouco da história do The Clash e ficar cantando “Hate & War” nos dias seguintes. Ou assistir Panther e ter vontade de saber mais e se engajar politicamente. Mas, vejam bem, isso não tem absolutamente nada a ver com a imbecilidade espalhada pelos blogueiros e blogueiras de moda com aquela história de “hoje eu acordei meio roqueira e quis me vestir de preto e usar spikes/acordei triste e me vesti romântica com babados”. Soa tão falso que, a vergonha alheia que sinto quando vejo uma coisa dessas é algo que não cabe em meu coração. O problema começa quando as pessoas querem ampliar seu repertório estético sem antes ampliarem seu repertório cultural. Pra mim, não há forma de separar um do outro. Não adianta querer se vestir bem sem, antes, ampliar seu repertório cultural. É como gravar um videoclipe antes de se compor a música. Além de não fazer sentido, o resultado provavelmente será um desastre.

About these ads

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s